Dicas

12:01 Posted In Edit This 0 Comments »
Você sabia?
Que você poderá imprimir qualquer imagem de qualquer impressora para usar na sua decoupagé? Se for impressora a laser não precisará se preocupar, é só imprmir o desenho e usá-lo. Se a impressora for jato de tinta, é só imprimir a imagem desejada e passar um pouco de verniz spray no papel para segurar a tinta e não borrar.
Que tem um jeitinho de acelerar o processo de secagem das tintas em seus trabalhos? Basta usar o secador de cabelos, assim você ganhará mais tempo.
Para quem trabalha com madeira e metais e quer fazer biscuit e não gastar dinheiro com mais tintas, aí vai uma dica importante: "-Faça o biscuit na cor natural ou branca, deixe secar, passe primer para metais e use a tinta acrílica ou pva que vc já tem em casa, finalize com goma laca ou verniz fosco, brilhante ou geral."
Para metais, vidro e plásticos você poderá usar primer para metais como base. No caso dos plásticos, o ideal é que lixe bem a peça (mas em um único sentido) antes de passá-lo, deixe secar bem por uns 5 dias e aí sim poderá usar a tinta acrílica ou pva.
Para a peça de madeira que você usou verniz e ficou grudenta, tente passar lustra móveis e depois um pano seco. Caso não resolva, use cera em pasta incolor, pode ser até mesmo a doméstica (aquela que a gente usa em casa).
Para tirar cheiro de latinhas de molho de tomate, basta você passar um pano com vinagre e deixar secar no forno quente até esfriar, além de tirar o cheiro dizem que evita a ferrugem. Vale a pena testar!!!
Outra opção ainda para as latinhas, é deixar de molho na água com essência de baunilha por uma noite. Será que não mistura os aromas??? Acho que ferver a latinha com água e limão ainda é a melhor opção...
Uma dica ainda não testada, mas que eu andei lendo por aí, é usar verniz sintético ou marítimo para os metais. Quem já tiver usado e souber do resultado, nos avise...
Lencinhos umedecidos são ótimos para limpar pequenos erros na pintura.
O gel de cabelo pode substituir o gel matizador.
Misturar um pouco de cola branca na massa acrílica – para texturas - ajuda a evitar "rachaduras".
Quando for comprar fita crepe para usar nos trabalhos, prefira as de pior qualidade, pois isto evita que estrague a pintura.
Substituir o primer por goma laca incolor dá também um bom resultado evitando que as pinturas descasquem.
Erros com a caneta permanente são retirados com um cotonete umedecido em acetona, bem como o excesso de cola contido nas madeiras.
Quando não tiver o verniz fosco, experimente misturar um pouquinho de amido de milho no verniz brilhante.Ele perderá todo o brilho.
Para não ter que lavar toda hora o rolinho, deixe-o bem enrolado em um saco plástico enquanto não estiver usando. Ele pode ficar várias horas acondicionado. Só o lave quando terminar todo o serviço.
Paninhos, sacos plásticos, jornal, todos eles se amassados e bem úmidos, farão um belo efeito de textura. Passe a cor que deseja na peça e depois vá rolando o paninho ou jornal. Ótimo para fazer o falso couro.
Para revitalizar sua caneta permanente – do tipo MICRON - passe a ponta dela de leve numa lixa fininha, assim ela funcionará outra vez.

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic